Isso é SUS: Programa Academia da Saúde

6 de abril foi Dia Mundial da Atividade Física e Dia Nacional de Mobilização pela Promoção da Saúde e Qualidade de Vida, datas importantes para reforçar a importância desses temas andarem lado a lado em nosso dia a dia.

O SUS, que tem como objetivo promover a saúde de brasileiras e brasileiros, certamente teria uma estratégia relacionando atividade física e qualidade de vida, não é mesmo? E é justamente sobre essa estratégia o Isso é SUS de abril!

Programa Academia da Saúde (PAS)

Você já ouviu falar no Programa Academia da Saúde? Talvez não, mas certamente já deve ter visto em sua cidade ou em matérias de televisão academias ao ar livre abertas ao público. Pois é, muitas delas fazem parte do Programa Academia da Saúde, que foi lançado em 2011 a partir de iniciativas municipais que uniram a prática de atividades físicas, presença de profissionais orientadores e o uso de espaços públicos para promoção da saúde. Com os resultados positivos que vinham desses diferentes projetos, se reforçou a ideia de criar um programa nacional semelhante no âmbito do Sistema Único de Saúde.

O PAS, que faz parte da rede de Atenção Primária à Saúde, tem como base os princípios e diretrizes do SUS e das Políticas Nacionais de Atenção Básica e Promoção da Saúde. Além de aproximar a população de seu território, o programa tem como objetivo complementar o cuidado integral em articulação com outros programas e ações como a de Estratégia Saúde da Família (ESF), os Núcleos Ampliados de Saúde da Família (NASF) e a Vigilância em Saúde. 

Ações a serem desenvolvidas nos polos do PAS:

  • Práticas corporais e atividades físicas;
  • Produção do cuidado e de modos de vida saudáveis;
  • Promoção da alimentação saudável;
  • Práticas integrativas e complementares;
  • Práticas artísticas e culturais;
  • Educação em saúde;
  • Planejamento e gestão; e
  • Mobilização da comunidade.

Mesmo que o nome do programa cite a palavra academia, é importante frisar que o PAS vai muito além de atividades físicas, já que saúde é compreendida pelo SUS como resultado de aspectos sociais, econômicos, políticos e culturais.

Ou seja, além da infraestrutura, equipamentos e profissionais qualificados, os polos – nome dado aos espaços públicos onde há o programa – são espaços para ações que desenvolvam a autonomia, equidade e participação social da comunidade em que ele está inserido.  

Vale destacar que para implementar e operacionalizar o PAS é sugerida a criação do Grupo de Apoio à Gestão do Polo, onde a participação da população é essencial. É através desse grupo que, com a participação dos usuários, membros da comunidade, profissionais do polo e da Atenção Básica, partirão contribuições para a identidade e ações de fortalecimento entre a população e o programa.

Já tem um polo do PAS perto de você?

Busque se aproximar e propor eventos culturais ou outras atividades, afinal esse espaço também é seu!

Gostaria de ter um polo do PAS perto de você?

Entre em contato com o conselho municipal de saúde e converse com os gestores do seu município! Deixamos aqui um passo a passo para você ter em breve um polo pertinho de você.

Gostou de conhecer o Programa Academia da Saúde e quer saber mais sobre ele?

Recomendamos a leitura dos seguintes materiais:

Programa Academia da Saúde (Site Ministério da Saúde)

Programa Academia da Saúde: caderno técnico de apoio a implantação e implementação (2019)

Academia da Saúde: Cartilha Informativa (2014) 

Encontro você no próximo mês com mais uma política/estratégia que torna o Sistema Único de Saúde tão presente em nosso dia a dia.

Até lá!

AbraSUS

 

Isso é SUS: O Sistema Único de Saúde é uma conquista da organização e força do movimento social brasileiro. O SUS vai além da lógica de controle e tratamento de doenças, sendo responsável pela articulação de ações de promoção, proteção e recuperação da saúde de toda população – incluindo quem paga plano de saúde. Pensando na grandiosidade do nosso SUS, o Isso é SUS é um espaço em que traremos, mensalmente, diferentes políticas, programas e estratégias dessa política de saúde. Já que o SUS é um patrimônio nosso, nada mais justo do que o conhecermos melhor, não é mesmo?

Compartilhe!!!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no google
Compartilhar no email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima