O Brasil está longe de ser um exemplo no combate à gravidez não planejada. Por aqui, um a cada cinco bebês nasce de uma jovem entre 10 e 19 anos, que dificilmente estará preparada para isso. No podcast Detetives da SAÚDE, vamos abordar o impacto de uma gestação indesejada na saúde. Não, ele não é pequeno.

Uma das nossas convidadas para o episódio é a ginecologista Carolina Sales, responsável pelo Serviço de Anticoncepção da Faculdade Medicina de Universidade de São Paulo, em Ribeirão Preto. Ao longo da conversa, ela mostra como a gravidez não planejada está intimamente associada ao uso de drogas, parto prematurodepressão pós-parto e até violência contra a mulher. “Temos que falar mais sobre o assunto e sobre sexualidade com os jovens. Já há provas de que, ao fazer isso, retardamos a primeira gestação”, afirma.

Escute o episódio do Podcast no Youtube:

 

Leia a matéria original em https://saude.abril.com.br/podcast/gravidez-nao-planejada-o-ponto-de-partida-de-varios-problemas-de-saude/?fbclid=IwAR0E1scf8piPSreEVsVbKrfT11Sshc_myDISW6Ru3wMdOk4gyr49citYeNo

Compartilhe!!!

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on email